terça-feira, 8 de agosto de 2017

[Resenha] Never Never - part 3

Escritoras: Colleen Hoover & Tarryn Fisher
Editora: Smashwords Edition
Páginas: 92


Sinopse: "Together, Silas Nash and Charlize Wynwood must look deeper into the past to find out who they were and who they want to be. With time ticking down, the couple are in a race to find the answers they need before they lose everything. Can they regain what they once had? And will it restore who they once were?"

Como vocês já devem ter visto por aqui, eu li em março "nunca jamais - parte 1" (resenha) e no mês de maio li "nunca jamais - parte 2" (resenha). Entrei em contato com a editora se havia uma publicação para a parte 3 aqui no Brasil e não há. Então como estava ansiosa demais para finalizar essa trilogia decidi ler em inglês mesmo.

Mas enfim, vamos seguir com a resenha. Para quem ainda não conhece "nunca jamais", vou especificar um pouco sobre a parte um e a parte dois. Na parte um somos praticamente apresentados aos personagens e o que está acontecendo com eles: eles não se lembram das últimas 24hrs. Há alguns flashes de memórias antigas, mas nada recente. Juntos vão tentar descobrir o que está acontecendo.


"She honestly thinks this is a dream, and I don't have the heart to tell her it isn't. It's not a dream. It's actually a nightmare and we've been living it for more than a week now." (p. 96)

Parte dois, após os acontecimentos arrebatadores do final da parte um, Silas precisa encontrar Charlie e descobrir o que está acontecendo com eles. Algumas lacunas que foram abertas na parte um são respondidas nessa segunda parte. E o final deixa o leitor completamente agoniado para saber como tudo isso irá acabar.

Por esse motivo que iniciei a parte três em inglês mesmo. Aliás, eu precisava ler algo em inglês porque faz tempo que não pratico e foi uma experiência muito boa. Bom, nessa parte três finalmente é desvendado o mistério que está assombrando Charlie e Silas. E é praticamente isso que o livro gira em torno. 

"I'll never love anyone like I love you. And if the worst it to ever happen and we do grow apart, I'll never regret this tattoo." (p. 223)



"I'm pretty surre I fell in love with him today. All over again. For like the tenth time." (p. 752)

Eu gostei como tudo desenrolou. Não vou dizer que amei o livro do começo ao fim porque não foi. Algumas partes eu estava ficando cansada de ler e até mesmo ficou repetitiva, mas o livro não deixa de ser bom. Ele é bom e finalmente acaba com o desespero do leitor em saber o porquê.

Quando eu finalmente descobri o que estava acontecendo com Charlie e Silas eu fiquei de queixo caído. Eu não esperava que era um motivo tão óbvio e ao mesmo tempo até bobo como esse, mas confesso que eu gostei. Vi muitas pessoas dizendo que se decepcionaram com essa última parte. De fato o livro é bom, mas não tão bom quanto os dois primeiros, porém, para mim, o final compensou o livro todo.

"I want to kiss her like that a million more times, but every single kiss would end just like that one did. With the fear that I won't remember it tomorrow." (p. 925)

É uma trilogia recheada de suspense e mistério e com a pitadinha ideal de romance. Acredito que a parceria entre as autoras foi incrível e eu indico essa trilogia para todo mundo.

" "What's the one thing you're the most scared of forgetting? he asks.
I open my eyes. "You"."

Avaliação: ❤❤❤❤

2 comentários:

  1. Olá, tudo bem? Eu quero muito ler essa triologia, porém só tenho os dois primeiros livros, e queria ter todos, pois acho que vou querer ler tudo de uma vez, hehe. Adorei a resenha!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  2. Oiiii
    Fico feliz que você tenha gostado da trilogia e do final.. ☺️ Recentemente eu li os 3 livros e minha experiência foi o contrário da sua, eu não gostei dos livros.. 😔 Também achei a história repetida depois de um certo momento. Enfim, as expectativas estavam altas.. Amo CoHo! ❤️ Mas acontece, né??

    Beijossss
    Jo - www.curtaleitura.com.br

    ResponderExcluir