sábado, 24 de junho de 2017

[Resenha] Esplendor da Honra

Escritora: Julie Garwood
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 384


Sinopse: "Na corte inglesa medieval, a amável lady Madelyne sofre com os caprichos de seu perverso irmão, o barão Louddon. Para se vingar de um crime revoltante, o barão Duncan ataca as terras de Louddon com seus guerreiros. Madelyne foi o prêmio que ele capturou, porém, ao contemplar a orgulhosa e bela dama, ele jura arriscar sua vida para protegê-la. Apesar de seu tosco castelo, Duncan demonstra ser um gentil cavalheiro. Mas quando, afinal, a nobre paixão domina a ambos, Madelyne se entrega com toda a alma. Agora, por amor, Madelyne enfrentará qualquer coisa, tão corajosamente quanto seu senhor, o poderoso e combativo Lobo."

"Esplendor da Honra" é um lançamento de Junho da Editora Universo dos Livros e escrito por Julie Garwood onde ela narra os acontecimentos de Madelyne na corte feudal.

Madelyne sofreu bastante com seu irmão bastardo durante anos, mas agora ela está determinada a fugir das garras dele para sempre. Barão Louddon é um homem cruel e que fez não só ela, mas muitas mulheres sofrerem durante anos.

"-Madelyne, não lhe dei permissão para sair- Não pedi nenhuma." (pág. 124)

Com essa determinação, Madelyne não esperava encontrar o Barão Duncan de Wexton acorrentado. Duncan estava atrás de Louddon por vingança, por fazer com que sua irmã, Adela, sofresse de uma forma muito cruel. Madelyne determinada a fugir da corte feudal e em busca de ajuda decide libertar Duncan. O que ela não esperava era que ele a iria fazer de refém.

Com essa inocência e após fugir de um Barão e ser feita de refém por outro, Madelyne irá aprender coisas sobre a vida que jamais havia aprendido. Viverá momentos difíceis, porém momentos inesquecíveis. E descobrirá sobre o amor.

"Aceitava que o passado não podia ser desfeito e tentava deixá-lo para trás. Era algo mais fácil de dizer do que fazer, claro." (pág. 169)



"Porque, onde estiver o vosso tesouro, ali estará também o vosso coração." (pág. 211)

O livro despertou em mim uma sensação de amor/raiva. Motivos da raiva: primeiro que os capítulos são grandes e não sou fã de capítulos assim; segundo que a personagem principal muitas vezes me irritou por mostrar personalidades diferentes em algumas ocasiões; e por último que a escrita da autora não me prendeu tanto quanto eu esperava.

Motivos do amor: muitas vezes, como disse, Madelyne me irritou por conta de sua personalidade, mas também, muitas vezes fiquei orgulhosa de suas atitudes. Ela, mesmo após sofrer tudo o que sofreu com Louddon, foi bastante determinada em fugir e enfrentar o mundo a fora. Soube se impor em diversos momentos e mostrou o quanto seria heroína para alguns. Assim como Duncan muitas vezes me irritou, mas também mostrou que é capaz de honrar o nome Wexton.

"O medo não faz de você uma covarde, amor. Não, acredito que isso signifique que você é mortal. Somente um tolo deixaria a preocupação de lado." (pág. 348)

De qualquer forma, o livro foi bom, mas... (sempre há um mas), eu esperava mais. Infelizmente o livro muitas vezes me apresentou uma narrativa cansativa (é narrado em terceira pessoa e possui capítulos grandes) e em nenhum momento me senti conectada com os personagens. É como eu disse: realmente foi um caso de amor/ódio com esse livro. 

Enfim, para os amantes de romance de época com aquela pitadinha do medieval, com certeza irá gostar. O livro apresenta tudo que um romance de época pede: uma mocinha indefesa (mas que não é tão indefesa assim), um guerreiro, uma família bem estruturada e um sentimento arrebatador.

Avaliação: ♥♥♥
*Livro cedido em parceria com a Editora.


20 comentários:

  1. Olá!
    Estava ansiosa por sua resenha desse livro 🙂
    Não sabia se comprava ou não kkkkkkk
    Gosto bastante de romance de época, mas estou com tantos livros na fila que acho que vou esperar um pouquinho!
    Parabéns pela resenha, beijos! 😘

    Books & Impressions

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou começando a gostar de romances de épocas por conta da Julia Quinn, foi por esse motivo que solicitei o livro para a editora. Infelizmente não foi totalmente do meu agrado rs.

      Obrigada! <3 Beijos.

      Excluir
  2. Não sou de ler romances de época, então acho que não leria. Mas a capa desse livro é muito linda!

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa realmente está linda! Também não sou fã de romances de épocas e não são todos que me agrada rs.

      Excluir
  3. Oieeee
    Sou apaixonada por romances de época, sempre que posso estou com um nas mãos, adorei a resenha. Já tinha visto a capa, mas não tinha me atentado a sinopse, e me parece bem bom.
    Falando em personagens irritantes, passei pela mesma experiência há pouco tempo e sei bem como é!
    Amei o cantinho ;)

    http://paraisodasideas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou começando a gostar de romances de épocas por isso decidi ler esse livro. E nem diga... personagens irritantes. É uma experiência que acaba decepcionando.

      Obrigada <3

      Excluir
  4. Olá
    Até tinha me interessado pelo livro, mas sua resenha abriu meus olhos, kkk.
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha Há pessoas que irão gostar desse livro, mas infelizmente ele não me agradou tanto quanto eu esperava.

      Excluir
  5. Não me atrai muito essa parte "medieval" ou os caps enormes e arrastados... rsrs Ultimamente o ritmo da narrativa tem sido muito importante nas minhas leituras, não sei se leria...
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O ritmo da leitura é importante e infelizmente livros arrastados só traz desagrado.

      Beijos.

      Excluir
  6. Hey ^^
    Já li algum tempo atrás e apesar de ser bem cansativo eu me apaixonei !!!
    Recomendo outros livros e autora (não lembro de outro rsrs)!!

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente eu não me apaixonei por eles :( Em algumas partes eu até gostei da narrativa, mas já em outras... Talvez eu leia outros livros da autora, mas não tão em breve rs.

      Beijos.

      Excluir
  7. Olá! Que resenha incrível! Gostei do livro, mesmo tendo os mesmos pontos negativos em comum contigo.
    Beijos ❤
    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado <3
      Espero que tenha oportunidade em conhecer a obra e que se apaixone por ela.

      Beijos.

      Excluir
  8. Olá ;)
    Gostei da sua resenha, mas não estou tão animada assim para ler o livro.
    Li Um amor para lady Johanna e não gostei muito. Sei que a época era diferente, mas achei a personagem submissa demais, dava nos nervos, e o mocinho muito idiota as vezes.
    Acredito que esse segundo livro siga o mesmo ritmo, por isso não estou ansiosa para ler. Apesar de ser uma amante de romance de época, fiquei como você, esperando mais.
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Personagem submissa... exatamente! Foi o que me incomodou, em parte, nesse livro. Certos momentos ela até colocava o seu poder sobre ele, mas já em outros momentos...
      Entendo, também esperava mais desse livro. Estou começando a ler romances de épocas. Então confesso que tinha muita expectativa.

      Beijos.

      Excluir
  9. Olá,
    Gostei da trama do livro é bem interessante, só não gostei dessa parte de ela ajudar o cara é ele nem se quer pensa um pouco e tenta ajudá-la e faz tudo ao contrário. A premissa é muito bom e também não sou muito fã de capítulos muitos largos, às vezes fica bem cansativa. O livro valerá a pena ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fiquei tipo "ué, como assim?" haha.
      Espero que se você conferir a obra, você goste da leitura <3

      Excluir
  10. Oi!
    Sou bem fã de romances de época e ainda não conhecia esse, mas gostei, mesmo com suas ressalvas, principalmente pelos capítulos serem longos, também não gosto muito, mas arriscaria fazer a leitura.
    “Como eu não tenho o dom de ler pensamentos, eu me preocupo somente em ser amigo e não saber quem é inimigo. Pois assim, eu consigo apertar a mão de quem me odeia e ajudar a quem não faria por mim o mesmo.” (Desconhecido)
    Cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, fico feliz que tenha gostado e espero que a leitura te agrade bastante <3

      Excluir