quinta-feira, 15 de junho de 2017

[Escritor do Mês] Jennifer E. Smith



Olá, leitores.

Hoje é dia 15, dia de mais um escritor do mês aqui no blog! Dessa vez eu decidi trazer a escritora Jennifer E. Smith. Li apenas dois livros da autora, sendo que um amei e outro nem tanto, porém ainda quero ler tudo que ela escreve.

2013
"Com uma certa atmosfera de Um dia, mas voltado para o público jovem adulto, A probabilidade estatística do amor à primeira vista é uma história romântica, capaz de conquistar fãs de todas as idades. Quem imaginaria que quatro minutos poderiam mudar a vida de alguém? Mas é exatamente o que acontece com Hadley. Presa no aeroporto em Nova York, esperando outro voo depois de perder o seu, ela conhece Oliver. Um britânico fofo, que se senta a seu lado na viagem para Londres. Enquanto conversam sobre tudo, eles provam que o tempo é, sim, muito, muito relativo. Passada em apenas 24 horas, a história de Oliver e Hadley mostra que o amor, diferentemente das bagagens, jamais se extravia."

2014
"A vida — assim como o amor — é cheia de conexões inesperadas e enganos oportunos. Uma ligeira mudança no curso pode gerar consequências surpreendentes. Afinal, às vezes, o desvio, o atalho é o verdadeiro caminho. A estrada que deveríamos ter escolhido desde sempre... Se pelo menos tivéssemos a coragem de fazer do coração nossa bússola.

   Graham Larkin e Ellie O'Neill não poderiam ser mais diferentes. O rapaz é um ídolo adolescente, um astro das telas de cinema; uma vida calcada na imagem. O cotidiano constantemente sob o escrutínio dos refletores. Agentes, produtores, RPs, assessores... Já Ellie passou a vida escondida nas sombras, fugindo de um escândalo do passado enterrado em sua árvore genealógica.   
    Mas, mesmo sem aparentemente nada em comum, os dois acabam se conhecendo — ainda que virtualmente — quando Graham envia a Ellie, por engano, um e-mail falando sobre o porco de estimação Wilbur. Esse primeiro contato leva a uma correspondência virtual entre os dois, embora não saibam nem o nome um do outro. Os dois trocam detalhes sobre suas vidas, esperanças e medos.
    Então Graham agarra a chance de passar tempo filmando na pequena cidade onde Ellie mora, e o relacionamento virtual ganha contornos reais. Mas será que duas pessoas de mundos tão diferentes conseguirão ficar juntas? Será que o amor é capaz de vencer — mesmo — qualquer obstáculo? E mais importante... é possível separar ilusão de realidade quando o coração está em jogo?"

2016
"Lucy mora no vigésimo quarto andar. Owen, no subsolo... E é a meio caminho que ambos se encontram - presos em um elevador, entre dois pisos de um prédio de luxo em Nova York. A cidade está às escuras graças a um blecaute. E entre sorvetes derretidos, caos no trânsito, estrelas e confissões, eles descobrem muitas coisas em comum. Mas logo a geografia os separa. E somos convidados a refletir... Onde mora o amor? E pode esse sentimento resistir à distância?"




2017
"Bem-vindos à estação mais ensolarada e apaixonante de todas! No verão, somos todos iguais, diz um dos personagens do conto “Mil maneiras de tudo isso dar errado”. No Brasil, nos Estados Unidos ou em qualquer lugar do globo, uma coisa é certa: no verão, nossos corações ficam mais leves, mais corajosos, impetuosos e confiantes — talvez por isso esta seja a estação perfeita para se apaixonar... e Aconteceu naquele verão é o livro ideal para quem adora histórias de amor.
Mas essa coletânea tem algo ainda mais especial. Algumas histórias têm uma pitada de estranheza, de mistério, um toque sobrenatural. Em “Cabeça, escamas, língua, calda”, a lagoa de uma cidadezinha é morada de um monstro marinho que só uma menina vê. No intrigante “Inércia”, dois grandes amigos há muito afastados vão se encontrar num quarto de hospital para uma última visita. No belo “O mapa das pequenas coisas perfeitas” é sempre dia 4 de agosto. Presos num loop temporal, dois jovens vão comprovar do que a força do amor é capaz.
A lição é simples: o amor não escolhe lugar nem hora para surgir. Coloque seus óculos escuros e abra sua cadeira de praia, porque neste verão você terá doze motivos para suspirar e se apaixonar."

NÃO PUBLICADOS NO BRASIL
 

 


16 comentários:

  1. Olá
    Aaaaaah, mds, quero todos os livros já, kkk.
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha eu apenas li dois livros da autora e tenho curiosidade em conhecer os outros.

      Beijos.

      Excluir
  2. Olá,
    Que autora incrível, gostei bastante de todos os livros dela, ainda não li mas quero conhecer a obra dela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como ainda só li dois livros da autora, te indico começar por "a probabilidade estatística do amor a primeira vista". É clichê, porém super fofo.

      Excluir
  3. Bem, confesso que não li nada da autora ainda, nem o livro de contos, para poder dizer se ela é ou não boa escritora, entretanto, pela sinopses, os livros parecem bem interessantes.
    Bom feriado!
    “Saber envelhecer é a grande sabedoria da vida.” (Henri Amiel)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JUNHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente os livros dela são interessantes. Clichê, mas ótimos. Aqueles famosos livros para serem lidos em um dia ou após uma leitura mais complexa.

      Excluir
  4. Olá!!
    Já li e recomendo A probabilidade e Estatística de um Amor a Primeira Vista, o devorei em um dia!!
    Não conhecia as outras obras dela mas me encantei e quando tiver oportunidade os lerei!!
    bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já li esse livro da autora e realmente é um ótimo livro! Para quem não conhece a autora, começar por esse livro terá uma leitura bem agradável.

      Beijos.

      Excluir
  5. Olá!
    Eu adoro essa autora ❤️
    Já li os 3 primeiros e gostei bastante, mas o meu preferido com certeza é A probabilidade estatística do amor :)
    Beijos!

    Books & Impressions

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu li apenas "a probabilidade estatística..." e "a geografia de nós dois" e confesso que somente o primeiro me agradou rs. Porém quero ler os outros da autora.

      Beijos.

      Excluir
  6. Aaah adorei essas capas simples e tão maravilhosas, as histórias parecem ser ótimas.

    Beijão,
    www.cretinaliteraria.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As capas são realmente fofinhas, talvez por esse motivo chama tanta atenção. Como indiquei anteriormente aqui nos comentários, comece a ler por "a probabilidade estatística do amor à primeira vista". <3

      Beijos.

      Excluir
  7. Olá ;)
    Já li A Probabilidade Estatística do Amor À Primeira Vista, e adorei a escrita da autora, que é simples e tocante.
    Me interesso muito em ler os outros livros dela, em especial A Geografia de Nós Dois.
    E que legal que ela tem tantos outros livros legais para serem publicados no Brasil!
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro realmente é fofinho e ela tem uma escrita bem fluída, porém eu não gostei tanto de "a geografia de nós dois". Espero que a leitura te agrade mais do que a mim.

      Beijos.

      Excluir
  8. Já li A probabilidade estatística do amor à primeira vista e A geografia de nós dois, e olha que não sou muito dada a romances. Mas o que gosto na escrita da autora é a abordagem leve e nada forçada de como os relacionamentos se constroem. Os personagem são bem reais, comuns, daqueles que se parecem com alguém q vc conhece e vivem histórias possíveis também, tornando a história mais real.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é verdade! É aquele famoso clichê, mas que é gostoso de ser lido. Infelizmente "a geografia de nós dois" não me agradou tanto quanto eu esperava, mas quero ler outros livros da autora.

      Excluir