sexta-feira, 15 de abril de 2016

[Resenha] A Menina que Não Acredita em Milagres

Escritora: Wendy Wunder
Editora: Novo Conceito
Páginas: 327
Sinopse: "Campbell tem 17 anos.Ela não acredita em Deus.Muito menos em milagres.Cam sabe que tem pouco tempo de vida, por isso quer viver intensamente e fazer tudo o que nunca fez, no tempo que lhe resta. Mas a mãe de Cam não aceita o fato de perder a filha, assim, ela a convence a fazer uma viagem com ela e a irmã para Promise um lugar conhecido por seus acontecimentos miraculosos.Em Promise, Cam se depara com eventos inacreditáveis, e, também, com o primeiro amor. Lá encontra, finalmente, o que estava procurando mesmo sem saber.Será que ela mudará de ideia em relação à probabilidade de milagres?"
"Amar significa nunca ter de pedir perdão." (pág. 35)- ebook

Em "A Menina que Não Acredita em Milagres" nós vamos conhecer a Campbell: uma garota de 17 anos, nascida no Havaí e criada na Flórida, diagnosticada com câncer. Viveu grande parte de sua vida na Disney, ou seja, grande parte de sua vida era uma fantasia e ela imaginava que nunca chegaria a viver de verdade. 

Cam e sua melhor amiga Lily - se conheceram em acampamento, também diagnosticada com câncer - escreveram uma lista sobre coisas que desejariam fazer antes de morrer. A lista é chamada de "Lista do Flamingo". Alguns itens da lista de Cam já foram concluídos na Flórida, mas alguns ela acha impossível que sejam concluídos algum dia.
"Talvez todas as pessoas tivessem esperança e tristeza em todos os momentos da vida." (pág. 170)- ebook
Ela não acredita em milagres. De forma alguma. Ela apenas espera que o câncer mate-a  a qualquer momento. Mas já sua mãe - Alice - acredita na existências dos mesmos. Assim como sua irmã Perry acredita que tudo possa ser um milagre. Então, após longos tratamentos e diagnósticos, Alice decide - contra a vontade de Cam - arrastá-la para a cidade chamada Promisse durante as férias de verão, onde as histórias são mágicas e onde "todos os milagres acontecem".



Quando chegam em Promise, Cam ainda tem sua opinião sobre milagres: ela continua não acreditando. Para ela ver um bando de flamingos aparecendo misteriosamente, um filhotinho de cachorro sendo curado da noite para o dia, dentes de leões lilases... são apenas coincidências. Como uma cidade poderia ser milagrosa?
"O presente era o que importava, recordou-se, e o que estava acontecendo nesse momento era bom." (pág. 223)- ebook
Ela começa até sentir-se melhor em relação ao lugar, as pessoas e até a ela mesma. Passa a se perdoar e compreender alguns de seus sentimentos. Também faz alguns novos amigos, assim como Asher - morador de Promise - que ensinará para ela o que é o amor. Como também Cam ensinará para Asher que existe vida longe daquela cidade. 

O que dizer desse livro? Ri do jeito despojado de Cam. Sorri do jeito fofo de Asher. Achei divertida Perry e Nana - a avó delas. E o jeito protetor de Alice e em fazer o possível para ver sua filha feliz. Assim como me emocionei com alguns acontecimentos e acabei criando esperança junto com os personagens. Um livro que a cada página te prende e te conquista um pouco mais.

Avaliação: ♥ ♥ ♥ ♥

Nenhum comentário:

Postar um comentário