sábado, 28 de novembro de 2015

[Resenha] Morte e Vida de Charlie st. Cloud

Escritor: Ben Sherwood
Editora: Novo Conceito
Páginas: 296
Sinopse: "Em uma pacata vila de pescadores da Nova Inglaterra, Clarlie St. Cloud cuida dos gramados e monumentos de um antigo cemitério onde seu irmão mais jovem, Sam, está enterrado. Após sobreviver ao acidente de carro que tirou a vida de seu irmão, Carlie recebe um dom extraordinário ele consegue enxergar, conversar e até mesmo brincar com o espírito de Sam. É neste mundo místico que entra Tess Carroll, uma cativante mulher treinando para naegar sozinha ao redor do mundo em um veleiro. O destino faz com que seu barco seja apanhado por uma violenta tempestade, trazendo-a assim para a vida de Charlie. Sua bela e incomum ligação os leva a uma corrida contra o empo e a uma escolha entre a vida e a morte, entre o passado e o futuro, entre apegar-se ou deixar o passado para trás - e a descoberta que milagres podem acontecer se nós simplesmente abrirmos nossos corações."
"Há uma época para cada coisa. Um tempo para cada profissão na Terra. Tempo de nascer, tempo de morrer; tempo de plantar, tempo de colher o que foi plantado; tempo para chorar, tempo para rir; tempo de colher o que foi plantado. tempo para chorar, tempo para rir; tempo para lamentar, tempo para dançar; tempo para buscar, tempo para perder; tempo para amar, tempo para odiar..." (pág. 77) 
Dois jovens irmãos, um animado jogo de beisebol, pipocas, refrigerantes e um carro  “emprestado” numa aventura de fins trágicos, Charlie St. Cloud, é um garoto inteligente, amoroso e extremamente protetor com seu irmão mais novo Sam. 

Com o abandono do pai e acostumado a uma mãe trabalhadora que não pode se dar o luxo de ficar em casa à toa, ele está acostumado a cuidar do irmão. A relação que por si só já teria motivos o suficientes para ser forte, torna-se indestrutível. Após o trágico acidente que matou seu irmão, Charlie ganha um dom, e pode ver um milagre.

Mas nesse terrível acidente não foi somente Sam que perdeu a vida, Charlie também estagna a sua, sem poder ir longe, sem conseguir manter um relacionamento que sobreviva a toda essa loucura. 



Depois de um terrível acidente, Charlie conhece Tess: uma garota determinada que sonha em dar a volta ao mundo em seu veleiro. Porém - sempre tem um porém -, somente Charlie consegue vê-la e a cidade está toda em busca dela. 

E é onde ele tem que decidir a sua vida: abrir mão de Sam ou tentar salvar a vida de Tess?

Esse é um livro que te faz refletir sobre algumas questões da vida e da morte, mas também aproveitar todo o romance e o amor que existe entre duas pessoas não somente de um homem por uma mulher, mas sim de um irmão para o outro.
"Ele a beijou suavemente e sentiu uma sensação inacreditável. Durou apenas alguns segundos, mas foi extasiante. O calor entrou em seu corpo e se irradiou por todos os lados, enchendo-o com a sensação mais arrebatadora que já sentira." (pág. 139)
Avaliação: ♥ ♥ ♥ 

Nenhum comentário:

Postar um comentário